22de Outubro,2021

Geopt.org - Portugal Geocaching and Adventure Portal

08 July 2013 Written by  Flora Cardoso

Geotalk BrancoRodrigues - Visita ao interior do Forte - Farol do Bugio

No próximo dia 20 de Julho surge uma das raríssimas oportunidades de realizar uma visita completa e guiada ao interior do Farol do Bugio. Pela iniciativa do geocacher BrancoRodrigues, 50 participantes podem desde já reservar o seu lugar nesta tão cobiçada viagem no tempo e na história de um dos mais famosos faróis de Portugal! Uma oportunidade a não perder! Inscrições e reservas através do endereço de mail: This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

Joaquim, parabéns por esta tão aguardada iniciativa! O que te motivou a organizar esta visita ao Farol do Bugio?

O que me levou a organizar esta visita ao Forte Farol do Bugio foi uma conjugação de fatores o valor histórico e patrimonial do monumento e saber que a visita a este espaço está estritamente condicionada ou seja não é visitável.
Posso garantir que tem sido de louvar o esforço e a compreensão pela Direção Geral de Faróis em facilitar a visita no contexto das iniciativas de verão da Junta de Freguesia de Oeiras e São Julião da Barra.

Qual é a tua relação com este monumento do nosso património, e o que é que ele te inspira?

A minha relação com este monumento é apenas do ponto de vista histórico, pois é um local que desde as minhas idas à praia “da primeira bola Nivea” que tinha um desejo de poder lá ir.



Para quem não conhece a história e a localização do Farol, podes fazer um pequeno enquadramento deste local e da sua importância estratégica na Foz do Tejo?

O Principio que orientou a construção do Forte foi a tentativa de organizar uma praça de armas que pudesse cruzar fogo com o Forte de São Julião da Barra, para proteger os canais de navegação de acesso a Lisboa. Cumpriu a função entre 1593/4 e início do Século XX foram 4 Séculos de história a cumprir a função de Defesa. Este era o ponto de defesa avançado na defesa marítima de Lisboa.
Foi em data incerta na segunda metade do Século XVII que iniciou a função de Farol e que mantém até aos dias de hoje, mantendo assim importância crucial de balizagem na entrada no porto de Lisboa.


A visita guiada será acompanhada e documentada pelo Prof. Dr. Joaquim Boiça, filho de um dos últimos faroleiros do Bugio. Esta presença, na tua opinião, trará um valor acrescentado especial a esta visita?

Sim, Porque é um portador de memórias da ocupação do espaço antes de ser automatizado. Após isso deixou de ser necessária a presença de faroleiro no local. Sendo um grande historiador da navegabilidade do porto de Lisboa.


Esta iniciativa implica o pagamento do valor de 25 euros por pessoa, a liquidar até dia 17 de julho. Podes explicar sucintamente a logística global do evento e os custos subjacentes, que justificam a contribuição dos participantes?

Este valor pode ser liquidado a partir do dia 10 de Julho (de tarde) nas instalações da Junta de Freguesia de Oeiras e São Julião da Barra e prende-se unicamente com o pagamento do serviço de transporte marítimo e seguro que a empresa faz. De salientar que a Junta de Freguesia de Oeiras e São Julião da Barra, A Associação Espaço e Memória e A Direção de Faróis não cobram valor algum.

Estando abertas as inscrições para adultos e criança a partir dos 10 anos, o evento implica alguma preparação específica? É necessário fornecer dados para o seguro e o transporte, ou bastará comparecer na coordenada no dia e à hora marcada?

Não existe preparação específica, quem enjoar deve tomar o comprimido milagroso, a empresa transportadora faz um seguro de participantes.
Os participantes devem levar roupa confortável, água, protetor solar, boné e sapato tipo ténis.

Joaquim, já efetuaste esta visita no passado? O Farol do Bugio é para ti, um local especial que irá proporcionar uma viagem realmente surpreendente e uma experiência única aos participantes?

Sim, eu tive a oportunidade de visitar este local em 2010, é um local que dá prazer porque para a maioria das pessoa é um local que está perto do olhar mas tão longe de se alcançar. Existe uma áurea que o envolve com características únicas que está na própria história que envolve os monumentos.

Muito obrigada Joaquim pela disponibilidade e pela iniciativa! Votos de excelente jornada e bom passeio a todos pela Foz do Tejo!
Fotos gentilmente cedidas por Gonçalo Ferrão



Login to post comments
Geocaching Authorized Developer

Powered by Geocaching HQ
Geocaching Cache Type Icons © Groundspeak, Inc.
DBA Geocaching HQ.
All rights reserved. Used with permission.

Newsletter