29de Outubro,2020

Geopt.org - Portugal Geocaching and Adventure Portal

12 September 2014 Written by  Geopt

Prémios GPS 2013: O Rescaldo!

Quando, em 2011, o Geopt avançou com a primeira edição do projeto Prémios GPS, acredito que nenhum dos membros da equipa tenha tido sequer o atrevimento de sonhar em realizar um dia a Cerimónia Prémios GPS num dos nossos Arquipélagos.



A oportunidade de produzir o Evento em Lagoa, na Ilha de São Miguel, surgiu no final do mês de Fevereiro de 2014, pela mão do geocacher micaelense Netuseraz, praticamente em simultâneo com a candidatura do Jorge_53 por Mirandela, distrito de Bragança.
Ambos os candidatos demonstravam uma motivação absolutamente contagiante e apresentavam programas poderosíssimos. Descartar qualquer uma das propostas, em benefício da outra, era uma decisão difícil e com um travo bastante amargo.

Mirandela seduzia pela interioridade, pela tipicidade e pelo caráter genuíno da localização, que o Geopt sempre privilegiou na organização dos Prémios GPS. Lagoa era uma oportunidade única de transportar a Cerimónia a um oceano de distância, num cenário idílico, com condições técnicas e logísticas jamais alcançadas no passado. Mas era, acima de tudo, a possibilidade para os geocachers micaelenses, já conformados em acompanhar anualmente o evento à distância, de presenciarem ao vivo e a cores esta grande festa do Geocaching nacional.

Eventualmente o nosso primeiro agradecimento dirige-se ao Jorge_53, que apoiou incondicionalmente a nossa adjudicação à proposta Lagoa 2014 e que deixou a porta aberta para receber a próxima edição, mesmo a ano e meio de distância. Uma atitude generosa e altruísta, que nos deixa a certeza que Mirandela 2015 está entre excelentes mãos e resultará numa edição brilhante.
No dia 1 de Abril de 2014 era oficializada a adjudicação da proposta açoriana, os dados estavam lançados, e a máquina Prémios GPS 2013 estava em marcha.


Na noite de 19 de Fevereiro 2014 foi divulgada a lista das 390 caches nomeadas e no dia seguinte foi aberta a plataforma de votações. Durante cerca de seis meses, os geocachers tiveram oportunidade de programar as suas visitas às caches nomeadas, a solo, em grupo, em família ou entre amigos. Alguns distritos apostaram forte da divulgação das suas caches nomeadas, com espetaculares eventos temáticos organizados pelos Lobbys distritais. Na reta final o número de inscrições para aceder ao boletim de voto foi de tal ordem que o tempo de resposta automática do server chegou a ascender a várias horas. As votações encerraram à meia noite do dia 25 de Agosto, com 1488 inscritos e 843 votantes. As 5 geocaches finalistas de cada distrito foram divulgadas na noite do dia 27 de Agosto 2014, encerrando assim o ciclo de votações.

26 de Agosto a 2 de Setembro 2014: Oito dias.

Oito dias, era o tempo útil que restava à equipa para montar uma operação logística sem precedentes na história dos Prémios GPS: desenhar e produzir as 24 medalhas vencedoras, realizar 41 vídeos, testar e compatibilizar toda a plataforma de streaming, desenhar o alinhamento e escrever o guião da Cerimónia, contactar os vencedores, marcar voos e estadia para 8 vencedores e respetivos acompanhantes. No dia 3 de Setembro, o primeiro grupo de continentais viajaria para São Miguel, e os restantes levantariam voo ao longo do dia 4, e no dia 5 chegava o último participante.

 

 

Na decisão para a seleção de Lagoa, para além do fantástico programa de atividades, pesou determinantemente a possibilidade de levar até aos Açores, 14 intervenientes diretos na Cerimónia, com viagens e estadias pagas. De realçar que o Geopt não recebeu qualquer verba monetária para a organização do Evento, mas sim os vouchers correspondentes ao patrocínio, bem como a garantia do espaço físico para a realização da Cerimónia, e as melhores condições técnicas para operacionalizar o projeto.
Reduzimos a 6 o número de elementos do Staff, considerado absolutamente indispensável para a realização presencial da Cerimónia. Ficamos assim com 8 convites a endereçar aos vencedores distritais, havia portanto que definir um critério face aos 19 potenciais viajantes (a equipa vencedora do Arquipélago dos Açores estaria em casa). Numa decisão consensual, optamos por endereçar os convites dando prioridade aos owners que obtiveram as pontuações mais elevadas nas suas caches vencedoras.

 

 

O entusiasmo dos vencedores superou as nossas melhores expectativas e os convites foram aceites em tempo record. Um bem-haja aos restantes vencedores que, mesmo não tendo tido a oportunidade de voar até São Miguel, acolheram a notícia com enorme alegria e assumiram o compromisso de nos enviar os seus agradecimentos, em imagens. Belíssimas produções, magníficas paisagens, momentos de comédia e humor, os vídeos de agradecimento são o mais puro reflexo do ecleticismo que caracteriza esta atividade. Mas seguramente que o denominador comum a todas as mensagens de agradecimento pela vitória distrital, foi aquele brilho mágico nos olhos dos protagonistas, os sorrisos rasgados de orgulho e felicidade.

Dizer que Lagoa nos acolheu de braços abertos, é pouco para transmitir a forma como fomos recebidos e tratados neste pequeno paraíso.
O programa foi soberbo em todas as vertentes, e a descoberta da lha de São Miguel transformou-se para muitos numa história de "Amor à Primeira Vista", tendo em conta que uma boa parte do contingente continental visitava os Açores pela primeira vez.

 

 

Foram quatro dias de festa num incrível ambiente de amizade e camaradagem, não só entre os continentais mas também e sobretudo no contacto com os geocachers micaelenses, a maior parte auto-intitulados "Geocachers Fraquinhos", fantástico grupo cheio de energia e boa disposição!

A Cerimónia fluiu nas melhores condições, no Cine-Teatro Lagoense Francisco D'Amaral Almeida, um belíssimo espaço multimédia gentilmente cedido pela Câmara Municipal de Lagoa para a ocasião. A abrir com chave de Ouro, o prestigiado Coro e Ensemble Johann Sebastian Bach encheu o auditório de Música Antiga e de cor, numa atuação com excecional brilho teatral.

Contamos ainda com a presença da Dra. Verónica Almeida, adjunta do Presidente da Câmara Municipal de Lagoa, que muito nos honrou com o seu discurso de abertura.

Ao longo da noite e entre os 24 Prémios a concurso, 14 foram entregues em mãos aos respectivos vencedores, um record absoluto na história dos Prémios GPS. Estiveram presentes o Sérgio Reis (Sphinx_n_Sophie, vencedor da Guarda), David Topete e Amílcar Rocha (trilhosecaminhos, vencedor de Braga), José Matos (Timon i Pumba Team, vencedor de Vila Real), Gilberto Ferreira (Falkon Eye, vencedor de Leiria, vencedor na categoria Recipiente e vencedor Nacional), Bruno Gonçalves (Madureir'as, vencedor do Porto), Fernando Silva e Aida Felicidade (Los Cabaneros Geo Máfia, vencedor de Setúbal), Paulo Gordinho, Paula e Diogo (Caracóis Turbo, vencedor de Aveiro e vencedor na categoria Aventura), Hugo Pita (hugopita, vencedor do Arquipélago da Madeira), Pedro Mendes (Clavent, vencedor de Lisboa e vencedor na categoria Local), e a dupla Geohidden, vencedora do Arquipélago dos Açores.

 

 

Notável também, a presença de vários geocachers continentais que, de forma espontânea e por conta própria, decidiram embarcar nesta aventura e aproveitar a oportunidade única de visitar São Miguel por conta do fabuloso programa.

Correndo o risco de nos esquecermos de alguém, tamanho foi o esforço e a onda de solidariedade e entre-ajuda que pautou este projeto, não podemos deixar de dirigir alguns agradecimentos.
Do fundo do coração, muito obrigada ao Nuno Fonseca, mentor da iniciativa e anfitrião da Cerimónia. Era precisa muita coragem e talvez uma boa dose de loucura para avançar com esta candidatura. Uma aposta vencedora, do princípio ao fim!
Ao Pedro Martins e à Joana, da Pousada de Juventude de Lagoa, pelo profissionalismo, pela simpatia e pela generosidade com que nos apoiaram nesta operação logística descomunal.
Ao Pedro Almeida, o braço direito do Geopt em São Miguel, pelo fantástico trabalho desenvolvido no Site de Apoio à candidatura e por toda a ajuda prestada durante a Cerimónia.
Ao Luís Machado e à esposa Susana, pela disponibilidade e pela ajuda na logística desta operação.
Ao Rui Borges, o nosso técnico de iluminação, pela paciência e boa vontade, pelas horas de trabalho dispensadas nos testes e ensaios, para que tudo corresse pelo melhor.
Ao Cláudio Cortez, o nosso técnico de som, pela eficiência e pelo companheirismo ao longo das várias Edições dos Prémios GPS.
À lindíssima Maria da Schindler Team, recrutada apenas um par de horas antes no início do espetáculo, que desempenhou com um brio especial o papel de assistente de palco.
Ao Filipe Sena, pela celeridade e pela qualidade do trabalho de design das medalhas.
À régie, liderada por Óscar Migueis, pela magia do espectáculo, dentro da sala e nos ecrãs dos espectadores que nos acompanharam via Geopt.tv.
À Câmara Municipal de Lagoa, à Pousada de Juventude de Lagoa, à Agência de Viagens Micaelense, o nosso profundo agradecimento.
À SATA pelo apoio nas passagens dos continentais.

A todos aqueles que nos honraram com a sua presença, e àqueles que nos acompanharam à distância, durante esta inesquecível noite de 6 de Setembro de 2014. A todos aqueles que votaram, porque só assim esta iniciativa faz sentido e toma toda esta dimensão.

A todos os colaboradores e a toda a comunidade Geopt, porque este sucesso é também e sobretudo vosso.
Temos encontro marcado em Mirandela, em 2015.
Até lá, votos de excelentes momentos de Geocaching!

 



1 comment

  • Comment Link luis 12 September 2014 luis serpa

    Excelente artigo! Muitos parabéns não só aos vencedores, mas a toda a organização que conseguiu uma noite memorável.

Login to post comments
Geocaching Authorized Developer

Powered by Geocaching HQ
Geocaching Cache Type Icons © Groundspeak, Inc.
DBA Geocaching HQ.
All rights reserved. Used with permission.

Newsletter