22de Maio,2017

Geopt.org - Portugal Geocaching and Adventure Portal

01 April 2017 Written by 

Pérola do Atlântico #18 by Mendes&Freitas

Olá, sejam muito bem-vindos à décima oitava edição da Pérola do Atlântico.

Começo esta rubrica anunciando que a Geotour para o arquipélago da Madeira será publicada no próximo mês e abordará caches da Ilha da Madeira, Porto Santo e Desertas. Mais novidades em breve.

É já durante este mês de Abril que se realiza o “CITO Week”, onde os geocachers de todo o mundo irão reunir-se durante a semana de 22 a 30. O objetivo é ajudar a natureza, limpando o lixo, removendo espécies invasoras, e reparando trilhos danificados.

Para já, o arquipélago conta com dois eventos no concelho da Ribeira Brava:

O CITO Week April 2017 @ Madeira realiza-se no dia 22 das 10h às 11h e tem como objetivo limpar o início e arredores de um trilho conhecido na localidade.

O CITO Salvar a Terra @ 2017 realiza-se no dia 23 das 17h30 às 18h30 e tem como objetivo plantar algumas árvores.

É de salientar que ao participar em um CITO durante esta semana, dará direito a um souvenir especial para o perfil do geocaching.

É também neste mês que se inicia a nova “brincadeira” da Groundspeak denominada “Geocaching arround the World”. Assim, serão organizados vários eventos, tendo em conta as tradições de alguns países. Assim podes conhecer estas tradições, sem ser necessário saíres da tua região. O primeiro evento será realizado no dia 13 e terá a tradição do “Donerstag” realizado na Alemanha.

No arquipélago da Madeira o evento é: "Signal" visits Germany - Dönerstag 2017 que ocorrerá entre as 19h e às 20h.

Estamos curiosos por saber qual será o próximo pais que o Signal visitará.

Ribeiro Frio – Portela (PR10)

Este percurso recomendado tem uma distância de 11 Km e uma duração de 3-4 horas.

A levada tem o seu início no Ribeiro Frio, concelho de Santana, ao longo da cota dos 860m de altitude, percorre a esplanada da Levada da Serra do Faial até à casa de divisão de águas, descendo até à zona dos Lamaceiros e finalizando no miradouro da Portela no concelho de Machico.

Foto: ANAAP=ALP

Ao longo do percurso a paisagem é dominada pelo vale do Ribeiro Frio, onde são surpreendentes os campos agrícolas do Faial, São Roque do Faial e Porto da Cruz, a espetacular massa rochosa da Penha d´Águia que protege a oriente a baía do Faial, e a ocidente a Ponta do Clérigo.

Foto: mojolucani 

A Levada do Furado, com início no Ribeiro Frio é uma das mais antigas levadas pertencentes ao estado, tendo sido adquirida por contrato celebrado no ano 1822 entre o primeiro Conde Carvalhal e a Junta da Real Fazenda, cujo destino era irrigar os campos agrícolas do Porto da Cruz.

Foto: UHU15

Esta levada tem ligação com as levadas do Juncal e da Serra do Faial, que se juntam logo no seu início e continuam para além do seu términus no sítio dos Lamaceiros, dizendo-se popularmente que transporta três águas: a que é recolhida no vale do Ribeiro Frio regando os poios do Porto da Cruz e as que vindo das serras de Santana, sendo armazenadas na Lagoa do Santo da Serra para posterior distribuição.

Foto: IDILIO49 

Ao longo da levada podemos contemplar os multivariados tons de verde, proporcionados por uma mancha de floresta natural da ilha, bem conservada -Floresta Laurissilva do Til e do Vinhático, constituída predominantemente por espécies vegetais arbóreas da família das Lauráceas: o Til (Ocotea foetens), o Loureiro (Laurus novocanariensis), o Vinhático (Persea indica), o Folhado (Clethra arborea). Podem também ser observadas espécies arbustivas tais como: o Isoplexis (Isoplexis sceptrum), o Massaroco (Echium candicans), as Estreleiras (Argyranthemum pinnatifidum), a Orquídea da Serra (Dactylorhiza foliosa).

Foto: TanBen

Das espécies animais que podem ser observadas é possível avistar o Bisbis (Regulus ignicapillus madeirensis), o mais pequeno pássaro que povoa a Madeira, o destemido tentilhão (Fringilla coelebs) e mais raro será observar o Pombo Trocaz (Columba trocaz trocaz) espécie endémica da Madeira.      
O percurso pela Levada do Furado termina onde se separam as águas, no sítio dos Lamaceiros e onde se inicia a descida para a Portela. O percurso continua atravessando a zona florestal dos Lamaceiros, passando pelo Posto Florestal dos Lamaceiros, caminhando pela estrada de terra, até encontrar a Levada da Portela que ladeia pela esquerda o Lombo das Faias, terminando ao encontrar a o miradouro da Portela.

Foto: Lilu & Olu

Durante este percurso é possível encontrar as seguintes caches:

# 44 – T.A.M.I. - LEVADAS EXPERIENCE

Poço do Bezerro

Mystic Places

Levada do Furado

Escuridão

Tuneis Naturais

#16 - Stop - Power Bike Trail

#17 - Bónus - Power Bike Trail

Penha d'Águia Viewpoint

Miradouro da Portela

Foto: knato

Caches publicadas durante o mês de Março no arquipélago da Madeira:

"Signal" visits Germany - Dönerstag 2017 by Cidinho & Lia

Cascata dos Marcos by paulocasca

Aguage by luisftas

Encontro fora de horas - "Canja" by Cidinho & Lia

Meet Little Smiley from Switzerland by Little Smiley

Quakersteam visiting Porto Santo by Quakersteam

Stones with Folds by ed83483

Machico Breccia by kiaw ³³

Igreja Paroquial de Santa Cecília by FFSilva

Mystic Places by Familiaornelas

Miradouro do Pináculo by Hugo Pita

Vamos ver as trutas! - Let's see the trouts! by Cidinho & Lia

CITO Week April 2017 @ Madeira by Mendes&Freitas

CITO Salvar a Terra @ 2017 by PatrulhaFalcaodaN8

Peddy-paper Machico by Carolina_Silva



Login to post comments

Newsletter