07de Julho,2020

Geopt.org - Portugal Geocaching and Adventure Portal

08 August 2014 Written by 

Quentes e Boas #63 by Cláudio Franco (dupladepeso)

O Padrinho (A cache by LosCabanerosGeoMafia)

D/T: 2,5/2,5

Setúbal

“O Padrinho”, sobejamente conhecido como O Grande Chefão da Máfia.

De seu nome Vito Corleone, é homem poderoso que todos tratam, respeitosamente, pelo título honorífico de Dom, em italiano Don.

Dirige-te à mansão do padrinho e tenta a tua sorte. Mantém em mente que todos os favores têm um preço e que basta um passo em falso para acordares com uma companhia, digamos, diferente…

 

 

O Segredo do Anjo (A cache by Team Bomba-Mata)

D/T: 4/3

Setúbal

Reza a lenda que, por alturas do século XIII, um Anjo bom, armado com uma espada, provavelmente São Miguel, terá feito uma aparição numas terras junto à Serra do Louro. Nesse mesmo local, anos mais tarde, se construiu uma quinta, a Quinta do Anjo. Junto a essa mesma quinta, terá nascido uma aldeia que desceu a serra e se tornou a vila que hoje se conhece pela mesma toponímia.

Serás tu, Geocacher, capaz de decifrar as pistas e seguir as passadas que te poderão levar a desvendar O Segredo do Anjo? Lembra-te que o que encontrares pelo caminho estaria destinado a um templário. Deverás pensar como um...

 

 

 

 

 

Rio Vizela (A cache by trilhosecaminhos)

D/T: 2/2,5

Braga

ara acederem à cache devem encontrar primeiro a "chave" para a abrir...
Sejam discretos ao procurar e ao esconder de novo a chave. Tenham atenção aos muggles pescadores

 

 

 

Lullaby (A cache by ericeirapirates)

D/T: 1,5/1,5

Lisboa

Uma canção de embalar é uma peça suave de música, geralmente tocada ou cantada para as crianças antes de irem dormir e cujo objectivo é o de ajudar nesse processo. Como resultado, a música é frequentemente simples e repetitive. As canções de embalar podem ser encontradas em muitos países e existem desde os tempos mais antigos. A tonalidade da maioria das canções é simples, muitas vezes apenas alternam harmonias tónicas e dominantes.

Tal como as canções de embalar, o processo de recuperar e colocar novamente o container no seu lugar é repetitivo e pode demorar uns minutos.

 

 

Subir, subir, subir... (A cache by Felipe White)

D/T: 2,5/5

Lisboa

Em Montejunto existem as ruínas de dois conventos: um mais antigo dominicano, do século XII, e outro que não chegou a ser concluído. Os monges do primeiro, aproveitando as condições climáticas da serra, construíram tanques onde recolhiam gelo que depois enviavam para Lisboa. É por este motivo que Montejunto é também conhecida por serra da Neve. Esta indústria perdurou até 1885. A pouca distância das ruínas do convento, ficam as Ermidas da Senhora das Neves, do século XIII e de São João, revestidas de azulejos. Situada na sequência do alinhamento montanhoso do maciço calcário da Estremadura, a Serra de Montejunto oferece um curioso contraste paisagístico e climatérico.

 

 

 

Rally Paper (A cache by nunosofia)

D/T: 2,5/1

Lisboa

São duas atividades lúdicas com alguns pontos comuns geralmente ligadas à orientação, à aquisição de conhecimento sobre um determinado tema ou local, num dado tempo, resolução de enigmas tendo em vista atingir um objetivo final.

Pretende-se que o GeoCacher resolva este enigma em equipa (por questões de segurança rodoviária) fazendo um pequeno trajeto de “Rally Paper” para atingir o objetivo final do “Geocaching” que é obter a localização do contentor final e deve ser efetuado por qualquer viatura automóvel, no entanto também o pode fazer em forma de Peddy Paper.

 

 

A nossa "casa" (A cache by pricteixeira)

D/T: 1,5/1,5

Aveiro

Não somos naturais desta vila, foi no entanto aqui que fomos acolhidos e cá nasceu a nossa filha. É uma terra simples, de bons costumes e que gostariamos de mostrar a todos os geocachers. Nesta localidade podem encontrar desde uma igreja centenária ao mais moderno auditório de espectáculos. Podem também desfrutar do parque do Vieiro e alguns motivos rurais que embelezam esta pequena localidade.

 

 

 

À procura do gancho perdido de Hook (A cache by zekarlos)

D/T: 3/2,5

Lisboa

Capitão Gancho foi enterrado na Mata de Fitares em 1900 e apenas ficou o seu terrível e conhecido Gancho que estava guardado num cofre, longe dos olhares dos muggles mas que, com o tempo, se perdeu a noção da sua localização. A tua função é óbvia... não, não é ires à Feira das Mercês que essa também acabou com a Troika... é ir À procura do Gancho perdido de Hook! Em baixo ainda se pode ver o logotipo que se encontrava na tasca que construíra na Feira das Mercês. No ponto final estão artigos de Pirataria que não são para troca mas sim para tirarem fotos se o desejarem.

 

 

 



2 comments

  • Comment Link Aida Felicidade 13 August 2014 H@ppyAid@

    Cuidado com os Mafiosos de Cabanas ...eles andam aí ;)
    Obrigada Cláudio pelo destaque :)
    bjinho

  • Comment Link Ericeirapirates 09 August 2014 ericeirapirates

    Obrigado pelo destaque dado à lullaby. Espero que gostem.

Login to post comments
Geocaching Authorized Developer

Powered by Geocaching HQ
Geocaching Cache Type Icons © Groundspeak, Inc.
DBA Geocaching HQ.
All rights reserved. Used with permission.

Newsletter