15de Novembro,2018

Geopt.org - Portugal Geocaching and Adventure Portal

17 February 2016 Written by  Silvana

Silvana found Epigenia do Ceira

Found it Silvana found  Epigenia do Ceira

Cache visitada na companhia de Weed Hunter, AR^3, Lebres Cacheiras, Leites666, PaulaCar, Sapatilha, Caracóis Turbo, Ribitas e Henriquez.

Há muito que tenho uma predilecção pelas caches de 6 dígitos, e ao visitar esta cache, mais uma vez, reforcei a ideia de que as caches antigas têm algo de mítico.
Na semana anterior não tivemos tempo para visitar esta cache do vale do Ceira, desta vez, insisti bastante para não a deixarmos escapar. ;) 
E de facto, esta foi a cache do dia!
A primeira abordagem foi pela Senhora da Candosa, da partir da outra margem, miradouro de onde avistamos o que seria o ponto de acesso a esta cache e a localização aproximada desta.
Depois foi seguir a estrada alcatroada até ao estradão de terra batida, o melhor local de acesso e abordagem à cache.
Aproveitámos a disponibilidade de 2 jipes para assim pouparmos algumas viaturas ao trilho de terra batida um tanto ou quanto tortuoso. Obrigada Caracóis Turbo, pela divertida boleia!

 

E foi ao chegar a uns escassos 100 metros da cache que nos deparámos e ficámos surpreendidos pela magnificência do local em termos de beleza natural.
Um pequeno recanto luso deveras paradisíaco. :)
Aproveitamos o momento para umas tantas ou quantas sessão de fotografia.
Nós (Weed Hunter e eu) estreamos a versão subaquática da TG-4. ;) Aprovadíssima!
Depois de muitas fotos tiradas, dirigimo-nos para o túnel. Local que parecia exercer algum fascínio sobre o grupo. ;) E todos sabemos bem porquê! lol
Passar o túnel e as escadas encantou-me... Qual Lara Croft em busca da gruta escondida. :)
E ao chegar à outra extremidade, veio a prova da subida. 
Não foi fácil! As minhas pernas precisavam de crescer mais uns centímetros de forma a chegar aos pontos de apoio para escalar a parede interior do túnel. lol
Acabamos por montar uma corda com degraus para facilitar a subida do pessoal.
Daí, foi partir à aventura!
Uma aventura ao bom estilo do Indiana Jones.
Eu diria que foi tão libertador, como a sensação de voltar a ser criança. :)

E nada de mais motivador que descobrir a gruta e o seu tesouro.
Acabamos em grande! Por descer até à margem do rio e observar o seu serpentear em tons de verde-azulado céu.
Local que parece ter sido tirado de um livro de exploradores do Sex. XVI. :)

O regresso foi tão interessante quanto a vinda.
A descida pelo túnel foi outro dos momentos altos da visita a esta cache. Com o Ribitas, Weed Hunter e Sapatilha a darem as ua contribuição para que todos regressassem sãos e salvos.

Uma cache magnífica!
Das melhores que tive o prazer de visitar!
Tal como no Penedo de Goís, fica aqui o merecidíssimo favorito!

Aos owners, o meu muito obrigada pela partilha do local!

TFTC 

 

 

 



Login to post comments

Newsletter