03de Julho,2022

Geopt.org - Portugal Geocaching and Adventure Portal

05 Nov Written by 

Faz Hoje… anos a Tapada's Secrets

Multi-cache Tapada's Secrets [Lisboa] by Bringer, na Tapada da Ajuda, distrito de Lisboa.

palmtree hairstyle by paulohercules

Tenho de avisar Óscar...

Found it Found it Team Camaches

10/30/2011

Found it!
Passei muitíssimo agradável por esta Tapada até hoje desconhecida! Conhecíamos o ISA mas a Tapada é muito MUITO mais!
Ponto alto: quando a Bekas, a nossa cadela, se atirou para um lago cheio de líquenes porque pensava que era relva! Ela adora rebolar na relva! Foi rizada geral :) a sorte é que hoje não esteve muito frio...
Obrigada por este belíssimo passeio.
Obrigada pela cache!

Uma bela caminhada pela Tapada.

Found it Found it MrBiogene
03/22/2011

Assim que descobri o Geocaching pensei logo na tapada, a minha segunda casa desde 2005. Decidi que esta seria a minha 1ª cache. Foi realmente a 1ª que procurei, ainda sem GPS e com o primeiro ponto desaparecido. Entretanto, sucumbi ao desejo e procurei outras. Hoje, em dia de gazeta e na companhia da minha namorada, fui procurar aquela que só poderia ser uma cache fantástica. Segundo dia de primavera, Sol tímido, mas a querer mostrar-se, temperatura amena e uma data para comemorar.

O 1º ponto foi o mais complicado. É um ponto de passagem a muitos estudantes nestes dias de primavera, complicando as buscas. O sinal do GPS e a dica ajudaram. Ao fim de tentativas falhadas, há cerca de um ano atrás, termos encontrado o primeiro ponto foi como se espevitasse um pouco o ânimo. Ela está lá e nós a caminho!

Estávamos a chegar ao 2º local, quando a minha namorada topa logo a dica. Bolas, e não é que ela acertou em cheio?

Ponho as coordenadas para o 3º ponto no GPS e começamos a subida. Quando estamos à beira da margem, olho para o GPS… algo não bate certo: pus as coordenadas erradas. Ok: confirma-se que antes seria necessário um barco, mas agora o problema é outro: como saímos de lá de dentro? Sabíamos que ela estava ali, porque não trouxemos uma corda? Havia aqui um pau grande por onde podíamos subir, mas...? Ali ao fundo a subia não é tão íngreme, mas tem catos. Vamos pelo meio do mato, até ali e avaliamos a situação: se conseguirmos descer ali, também conseguiremos subir. Descida atribulada: ingreme e com catos à espera lá em baixo. Passamos esta fila de catos e estamos la dentro: depois logo se ve! A micro apareceu sem grande esforço. Descansamos na calma do local, à sombra, onde não se ouvia nada a não ser alguns piares da primavera. Temos de sair daqui por qualquer sítio menos por onde descemos. No canto mais escondido está uma daquelas placas de madeira que se usam nas empilhadoras. Carregámos com ela até junto do auditório e serviu de escadote. Próximos aventureiros terão, até alguém o remova, um ponto de subida...

O 4º ponto é a entrada para uma reserva natural. Para um biólogo como eu, seria muito mais interessante procurar a micro dentro da própria reserva, mas claro que é de evitar rumarias para dentro desta. Fica a mensagem a futuros aventureiros: há muito mais para explorar que um terraço e há um local (em plena capital) onde a natureza reina e onde uma planta nasce ou morre porque a natureza o ordena, alheia aos desejos dos Homens.

O 5º ponto era o único desconhecido. Eu nunca o teria escolhido e não percebi bem o que queria mostrar. O acesso é difícil, há muito mato e mesmo no GZ, apenas após nos esticarmos muito é que lhe chegámos. Acredito que o local possa ser repensado, para junto do lago, ou para a geradora, onde está outra entrada para as minas de água. Fica o conselho.

Estamos cansados, passa das 12h e a minha sandes já foi comida. Há dois caminhos, e para ambos damos uma grande volta... decidimos ir pela geradora…

Chegámos finalmente ao sítio. Já alguns caloiros tomaram banho aqui. O sitio está inundado de ervas que escondem totalmente o caminho. O GPS aponta para ali e a dica é clara. Em segundos o segredo da tapada é revelado.

Algumas vezes sozinho a passear, outras a namorar e algumas mesmo em aulas, cheguei a estar sentado em cima de algumas micros e de costas para a final. Já passei excelentes momentos, junto delas, sem fazer a mínima ideia que elas estavam a chamar-me baixinho. Hoje foram parte dos momentos excelentes.

Todos os anos, a AE do ISA organiza uma caça ao tesouro. Consiste em meter os coloiros à procura de um tesouro que os veteranos sabem (ou pensam) que não existe. Dizem que "o tesouro existe, mas que nunca ninguém o encontrou" ;)

Uma óptima cache que merece ser procurada e sem dúvida ser considerada com todo o mérito para os prémios GPS.

Obrigado pela cache, pelo caminho e pela re-descoberta dos momentos mágicos que só a Tapada da Ajuda sabe proporcionar.

Found it Found it sims71
11/04/2008

#452
6ª/8

Já ansiávamos a visita a esta multi. 
Entrámos com o meu cachemobil na Tapada, que se portou à altura e nele fizémos todo o percurso.

1º ponto: - Eu tirava umas fotos.
............ - Edmi olhava para o magalhães[:i].
............ - Guess?Who já tinha o container na mão.

2º ponto: - Eu continuava a registar todos os momentos.
............. - Edmi verificava o GPS: "Estou a 2mts da 
............. cache". mas na verdade estava no lado oposto
............. - Guess?Who de container na mão, gozava
............. connosco.

3º ponto: - Eu fotografei uns cactos engraçados, que lhes 
............. achei tanta piada, que os trouxe agarrados a
............. uma perna[b)].
............. - Edmi com o seu ar radical, aventurou-se na 
............. descida e subida de um muro. Será que vai 
............. sobreviver?...Sobreviveu....
............. - Guess?Who, nesta altura, não tinha o 
............. container, pois já ia a caminho da próxima.
............. Raios, este gajo é o Flash.

4º ponto: - Eu no meu cachemobil, segui pelo caminho 
............. errado[:i].
............. - Edmi como co-piloto, nada ajudou.
............. - Guess?Who, sentado numa pedra esperava por 
............. nós e claro, já tinha encontrado o container[8d].

Ponto Final: Todos juntos, seguimos até ao container final e 
................. eu tive o prazer de encontrar a cache
................. TOMA!!! [:d]

TNLN
TFTC

Found it Found it TeamGeo2CV

11/05/2007

FTF FTF

Uma cache no nosso quintal? uma cache no sítio onde passei os Verões a brincar aos tesouros, a descer grutas imaginárias e a construir barracas? Esta tinhamos que tentar o FTF.

Sai mais cedo do trabalho para ir a casa mudar de roupa, já que fato seria indomentária pouco indicada.

Chegado ao local, a primeira micro deu imensa luta. O GPS apontava para a estrada e a hint não ajudava. Por fim, esqueci o GPS e com bom senso lá apareceu. 
Com a noite a chegar, parti para o segundo ponto. 

Daqui para a frente foi tudo mais fácil, tendo contado com a ajuda do resto da equipa desde o ponto 3. A Teresa continua em grande forma e lá foi encontrando o que não achava.

Na cache final, não precisam de procurar nas estruturas existentes, portanto não as estraguem.

Escusado será dizer que para a procura muito ajudou o conhecimento da Tapada.
Nosso primeiro FTF

TFTC

in: porquinho-lanterna
out: bussola

#74 19:30

2 comments

Login to post comments
Geocaching Authorized Developer

Powered by Geocaching HQ
Geocaching Cache Type Icons © Groundspeak, Inc.
DBA Geocaching HQ.
All rights reserved. Used with permission.

Newsletter